Comentarios del lector/a

O Que O Técnico (Micreiro) Fazia?

"Maria Vitoria" (2018-03-22)

En respuesta a Super dieta das famosas
 |  Publicar respuesta

memoria ram 16gb

Ola a todos do PCforum. Como comentou, desta maneira que tive-se paciencia denovo refaria o tutorial de Overclock. Visto que logo neste local está, atualizado e melhorado.. Espero que possa ser suficiente pra substituir o que foi apagado, e anseio que gostem do material que reuni. Aproveitando com o objetivo de fazer uma propaganda da minha empresa. Consultoria, planejamento e otimização de ambientes de TI Windows e Linux.


O que é Overclock? Não deu direito, o que eu faço? O que é Overclock? O overclock é a ação de aumentar a técnica de processamento do computador acima do especificado de fabrica. O overclock em si podes ser feito alterando 2 fatores: FSB e CPU Ratio (Multiplicador). Contudo antes de colocar as mãos pela massa, vamos ver novamente o que é FSB e Multiplicador. FSB: Front Side Bus -A frequencia de operação do processador. Essa frequencia é gerada por um circuito chamado PLL, que controla os pulsos eletricos que tocam o processador. Essa frequencia de operação poderá diversificar entre 66MHz e 200MHz (no micro original) e geralmente ela controla quase o micro todo, como HDs, PCIs, lembranças etc.. Pra conhecer um pouco mais nesse foco, você pode acessar o blog melhor referenciado desse cenário, nele tenho certeza que localizará algumas referências tão boas quanto essas, encontre no link desse blog: memoria servidor hp 8gb.


Multiplicador: É um recurso adotado originalmente nos processadores 4x86. Tua frequencia de operação (FSB) era de 25MHz (SX) até 50MHz(DX) Este valor passava por um co-processador matematico do qual servia como uma multilplicação no FSB do Microprocessador. Logo, com este plano, a potencia dos processadores pode ser alavancada de 25MHz (SX não tinha o Coprocessador) até 125MHz (cinquenta x dois.Cinco). Hoje este numero trabalha em torno de 200x18 em alguns Intel e 200x12 nos AMD. O 486 SX era a versão mais Light do 486. Ele não tinha Co-processador matematico. No entanto mesmo deste modo, tinha a mesma velocidade do 386DX mais poderoso da data.


Memórias: memoria servidor 4GB As lembranças trabalham de modo Síncrono com o processador. Pcs rodando com este tipo de memória. A memória EDO (Extended Data Out) foi uma memória introduzida em 1990 e instituído como padrão de lembranças por ser mais rapido que a sua antecessora, a SIMM. Como os modulos EDO trabalhavam a 32Bits e 33MHz cada, era necessario 2 memórias em paridade para seu funcionamento exato, a 64Bits e 66MHz, formando em vista disso um tipo de Dual-Channel primitivo. Estes módulos podiam ter capacidades variando entre 2MB até 64MB, e foi usada até os Pentium MMX e placas Socket Super sete (K6/Pentium MMX). Memórias EDO so trabalhavam em paridade entre elas.


  1. 6 - Tela

  2. Dimensões: 155 x 76,nove x 8,quarenta e cinco mm

  3. Placa Mãe

  4. Câmera traseira: Cinco MP

  5. Memória Cache

  6. um gigahertz (GHz) ou um processador superior 32-bit (x86) ou 64-bit (x64)

A memóra SDRAM (Single Data RAM) foi muito difundida no meio da computação doméstica em razão de foi determinada como padrão na data que a informatica estava em avanço frequente. Tuas frequencias de operação vão de 66MHz (Pc-66) até 150MHz (Pc-150), e sua ligação é de 1:1 com o processador, logo, um pulso de clock no processador é um na memória. Seu amplo diferencial da memória EDO é que não há inevitabilidade de dois pentes pra fechar paridade. A memória DDR-SDRAM (Double Data Rate - Synchronous Dynamic Random Acess Memory) foi planejada em 2001 e adotada principalmente na AMD como padrão.


Imediatamente, no tempo em que a AMD se tornou pioneira nas memórias DDR, a Intel apostou alto nas memórias RAMBUS, que eram mais lentas e muito mais caras que as DDR. Logo, sempre que a AMD crescia com as tuas DDR, a Intel lamentava o fracasso das suas Rambus. A memória DDR tem como diferencial a tua ligação com o processador de um:2, logo, um pulso no processador são dois pela memória. É muitocomum vermos os tais numeros PC2700, PC3200 etc. Essa é a velocidade de operação em MB/s que cada pente pode transferir. TA, No entanto O QUE TUDO Isso TEM A Enxergar COM OVERCLOCK?


No momento em que voce se intensifica o FSB, a velocidade das memórias é diretamente alterada. Logo, não so o processador sofre overclock, e sim o Micro computador todo. Há algumas precauções que se necessitam ser tomadas com relação a isso. Placas mais antigas tem a velocidade dos PCIs eoutros diretamente ligadas ao FSB. Outro dado interessante é a refrigeração do sistema. Com o acrescento da velocidade do Microprocessador, a tua voltagem tende a ampliar, logo, a sua temperatura tambem vai acrescentar, e muito. Antes de se fazer um OC, precisa-se ter em mente a organização do teu sistema por dentro, se esta ou não adequado para ganhar a nova potencia do Pc.


Esse assunto pode ser super bem estudado no meu tutorial REFRIGERAÇÃO DE COMPUTADORES. E outro ponto muito respeitável, é que não se poderá exagerar. No momento em que voce faz um Overclock, ve que funciona e se empolga, vai fazendo OC em tudo que ve pela frente e principalmente pra acompanhar até onde vai. O dado é que o OC mal feito podes provocar danos irreversiveis ao sistema. CRIANÇAS, NÃO FAÇAM Isso EM Casa! Rode alguns testes, se manter a firmeza ok, senão, va abaixando o OC até vir num nivel onde não ocorra travamentos ou instabilidade no conjunto.


Chega de falar, hora de fazer o que interessa. Há 3 meios mais comuns de fazer OC: Jumpers, BIOS e Software. Como imediatamente é de modelo, vou seguir a linha de tempo de cada produto. O overclock estrada Jumpers foi utilizado desde o 486 até muitas Motherboards Socket A (poucas). Isto se da pelo evento de que os processador eram burros e não sabiam o que eles mesmos eram. Logo esta tarefa era designada pela pessoa que formava o sistema.



Añadir comentario